InícioRPG TibiaRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Um canto para observações. (By Zé)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte
AutorMensagem
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Dom Maio 09, 2010 7:32 pm

"Oh que duvida! Voltar ou não a telepatia?! Recrutar ou não novos aprendizes?! Fazer da langobardis o que ela era e ser extinta pela ausencia dos olds ou abrir para novos pensamentos e perder o controle sobre a guilda?!"

Te engana muito alessandro quando diz que eu não demonstro gostar. Não estaria aqui discutindo com vocês se isso fosse verdade. Apenas não acho que as amizades criadas não são o verdadeiro problema e que não existe nenhum sitema regente aqui. Me prove o contrário.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Zé dos Corvo
6000?! Esse só pode ser o Xela!
6000?! Esse só pode ser o Xela!
avatar


Ficha da Personagem
Personagem:
Vocação:

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Dom Maio 09, 2010 8:12 pm

Odin existe e eu morrerei lutando para que no Ragnarok eu possa lutar ao lado dele e dos outros Aesirs contra os gigantes! Me prova o cotnrario...

Flagra?

Não posso te dar provas... É apenas uma opinião minha! EU acho que é assim... pode notar que o topico é para eu colocar minhas observações sem compromisso alguem, então não me cobre esse compromisso aqui ^^ (repito, não mandei voltar telepatia, apenas mandei vcs refletirem sobre...)

agora, quanto a vc gostar ou não... não sei... eu continuo achando q vc não gosta da historia da Langobardis e de como ela sempre foi... vc queria q ela fosse algo totalmente aberto, até meio anarquico, mas se ela fosse assim ela não teria durado dois anos e meio =x ou pelo menos é essa a impressão q eu tenho...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Wk~
Paga-pau do Titio Xela
Paga-pau do Titio Xela
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Wk~
Vocação: God.

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Dom Maio 09, 2010 9:49 pm

Voltar ao Topo Ir em baixo
Astinos Lamael
Esse cara deve floodar, só pode!
Esse cara deve floodar, só pode!
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Astinos Lamael
Vocação: Alcóolatra

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Dom Maio 09, 2010 10:25 pm

ela citou Kaoh para falar de como abominam leveis altos, o que também não aprovo, mas Luciana, eu pessoalmente não abomino os novatos, mas alguns ainda tem um longo caminho pela frente...(outros, um futuro grande e um caminho curto)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Dom Maio 09, 2010 10:52 pm

Alessandro:

Não pode me dar provas porque um sistema não existe, só por isso.. O que rege é o bom senso, o qual cada um tem um, logo não tem ordem. Se estivesse menos interessado em ser ironico veria que não estou querendo criar caos nenhum, e veria nas minhas palavras sentido.

Faz assim, lê denovo o que eu escrevi, só que dessa vez com mente aberta. Se continuar achando que o que eu quero é a desordem total (julgo anarquia) beleza. Se não, converse comigo por outros meios e tenho certeza que vamos nos entender.

Thulio:

O engraçado Thulio, é que tu não é um dos que eu vejo fazendo incoerencias, então não se preocupe, não foi para ti minhas palavras.

---------------------------------------------

De qualquer maneira, só respondi o que me perguntaram.. Fazia tempo que não me estendia tanto em um topico, não se preocupem, não pretendo fazer denovo =P
Voltar ao Topo Ir em baixo
Astinos Lamael
Esse cara deve floodar, só pode!
Esse cara deve floodar, só pode!
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Astinos Lamael
Vocação: Alcóolatra

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Dom Maio 09, 2010 11:03 pm

um comentário mais detalhado:

Lu, a questão não é a forma como interpretam, é interpretar, ao meu ver roleplay é interpretar uma outra "pessoa", pessoa é a palavra chave(não importando a raça) pois se é uma pessoa ela deve ter alguns limites de pessoa, não ver através das paredes, não ler pensamentos, não saber o nome da pessoa de cara, não saber de coisas que não estava presente para ver nem alguem contou, esses detalhes(grandes ou pequenos) que para mim formam o roleplay

ai entram outros detalhes, não abreviar, detalhar as ações, eu realmente no início adotei o sistema de emoticons =D, mas isso é muito vago e o que é pior não exibe uma complexidade maior que se pode ter nas emoções humanas, melhor é < olha de lado para o rapaz com uma decepção aparente no olhar, sem se importar comquem está presente leva uma mão até a testa enquanto balança devagar a cabeça > do que < ¬¬ >< facepalm >

detalhes dão a riqueza dos personagens, mas o que vemos em alguns novatos(e não é a maioria) é eles ignorando essa "humanidade" do char o fazendo um superhomem

um exemplo é o recente caso do arkrotep http://rpgtibia.the-up.com/off-topic-f7/grandes-rolerplayers-t2203.htm

não falo do que ele fez, mas como fez, ele foi quem fez aquilo e não arkrotep, falou de party se informou por pm usou abreviação(que a não ser que você normalmente fale "n" eu acho que sabe porque não gostamos delas)
se ele tivesse feito tudo isso in-game, ou seja sem se informar por pm sem falar abertamente em party sem usar abreviação eu bateria palmas para ele, mas não foi o caso

o objetivo da Lango sempre foi a disseminação do roleplay(infelizmente um objetivo em off) por isso reclamamos com alguns novatos, infelizmente alguns generalizam por causa de uns poucos, claro só temos a liberdade de ensinar aqueles que fazem parte ou querem fazer parte da Langobardis, mas tentamos mesmo assim mostrar nossa forma, individual ou coletiva, de fazer o roleplay


então quanto as várias formas de fazer roleplay, creio que só existe uma linha única e não várias diferentes, eu considero você Luciana uma roleplayer, se não uma hard-roleplayer, eu me considero um roleplayer equilibrado, sem pender para nenhum dos lados

não importa que raça seja ou como descreve suas ações, ou se seu char é um doente mental que gosta de dor(como Alice, mas sem o doente mental) o que importa é ter os limites de sua "humanidade"

quanto ao aprendiz que me enviou, falei com ele mas tava meio lotado conversando em in-game com outras quatro pessoas o tempo todo =X
__________________________________________________________-

ps.: Bruna voltou a fazer roleplayer, só espero que o povo in-game não a evitem nem a tratem de forma diferente dos chars(que eu sei que não vai acontecer, se acontecesse você saberia com você mesmo que não é roleplayer =P e aqui só temos roleplayers)

ps2: wk~ - http://pt.wikipedia.org/wiki/Greg%C3%B3rio_de_Matos_e_Guerra acertei???? =X :A alcunha boca do inferno foi dada a Gregório por sua ousadia em criticar a Igreja Católica, muitas vezes ofendendo padres e freiras. Criticava também a "cidade da Bahia", ou seja, Salvador


__________________________

lendo resposta de Lu, depois edito

edited.: não me senti alvo não Lu, é só que eu só posso dar a minha opnião sobre aquilo, como não sei a dos outros, por isso pessoalmente =P

talvez alguem tenha a mesma opnião

____________________________________

ps3.: nosso rpg não teve a cara mudada, rpg é rpg, não pode ser mudado


edited 2.: lu msn - msn lu
Voltar ao Topo Ir em baixo
Zé dos Corvo
6000?! Esse só pode ser o Xela!
6000?! Esse só pode ser o Xela!
avatar


Ficha da Personagem
Personagem:
Vocação:

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 3:47 am

Luciana escreveu:
Alessandro:

Não pode me dar provas porque um sistema não existe, só por isso.. O que rege é o bom senso, o qual cada um tem um, logo não tem ordem. Se estivesse menos interessado em ser ironico veria que não estou querendo criar caos nenhum, e veria nas minhas palavras sentido.

Faz assim, lê denovo o que eu escrevi, só que dessa vez com mente aberta. Se continuar achando que o que eu quero é a desordem total (julgo anarquia) beleza. Se não, converse comigo por outros meios e tenho certeza que vamos nos entender.

Argh! Anarquia não é caos! Anarquia é a coisa mais bonita q existe, mas segundo os sociologos o ser humano ainda não esta pronto pra ela! E consequentemente nossos jogadores de rpg tbm não... Eu li o que tu escreveu de mente aberta, mas se vocÊ acha q eu estou preocupado em ser ironico não tem nem pq vc escrever... e quanto ao sistema, pela ultima vez, a langobardis não tem sistema mas tem definições claras do q é ou não roeplayer.

E essa troca de ideia ja ta me parecendo sem objetividade =s
Voltar ao Topo Ir em baixo
Xiahou Dun
Nobre
Nobre
avatar


Ficha da Personagem
Personagem:
Vocação:

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 11:24 am

oi eai tudo bem?

maquiando as funções do jogo pra o roleplay, bom pra quem tem senso e péssimo pra quem tem que aprender

bom saber que nossos aprendizes erram e melhor ainda é ter como saber do erro, não acha que telepatia é uma mascara perfeita pra pseudos-rps?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Wilton
Pessoa Normal
Pessoa Normal
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Oliver Tristan Greenarrow
Vocação: Esquizofrênico

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 11:41 am

Se couberem alguns comentários sobre os temas aqui discutidos, ouso julgar-me suficientemente aquém de conflitos pessoais, se é este o caso.

Do bom senso e do uso de telepatia:

Eu, Wilton, me abstenho de valiosos minutos dedicados à minha dissertação, e faço uma visita à Neptera. Infelizmente, não conheço novos membros, e minha VIP List é escassa. Sem rpers conhecidos por perto, decerto interpretarei solitariamente, mas julgo que meu personagem prefere se bater contra orcs e dragões a simplesmente falar consigo mesmo e usar sentenças de ação. Durante minha caçada, há léguas da civilização, sou surpreendido com o login de um velho conhecido. Meu desejo é conversar, interpretar, mas minha personagem não sabe que seu amigo acaba de levantar de sua confortável cama na capital tibiana; necessitaria de maiores razões para encurtar sua jornada e retornar a um possível encontro com velhos amigos. Não colocarei em questão o insight de utilizar Find Person.

Me encontro em um dilema: quero me divertir, e isto melhor se faria travando contato com meus companheiros; mas minha personagem não tem razões para tal neste momento. Então, livre de culpa abro meu canal privado e inicio uma conversação telepática com a referida personagem.

O chamado bom senso roleplayer apregoa que diálogos desta natureza devem ser de uso exclusivo dos jogadores; não seria de bom tom, portanto, interpretar através deste canal de comunicação.

Me parece razoável interpretar de tal maneira, mas um surge-me um questionamento: o que minha personagem fez durante meus meses de reclusão acadêmica? Não pode simplesmente ter desaparecido, além de qualquer contato, inclusive de natureza arcana. Principalmente se não houvessem razões in-game para súbita e demorada ausência. Pressuponho que durante tal período, a personagem ocupou-se de afazeres distintos dos que costumava ocupar-se; e que seria natural que em seu novo cotidiano, tenha mantido contato, mesmo que superficial, com aqueles mais próximos, ao menos geograficamente. Digamos que em uma pausa para buscar minha correspondência, tenha tido a oportunidade de saldar um irmão de armas, ou tomar uma cerveja com um vizinho. Nada relevante em termos de narrativa, naturalmente.

Havendo portanto, tais oportunidades de diálogo, ouso sugerir que o canal de comunicação privado, vulgo telepatia possa ser utilizado para ilustrar tais contatos superficiais in-game, tais como informar as atividades correntes, ou inteirar-se dos acontecimentos locais. Isto é, utilizado para fins retrospectivos, a fim de enriquecer a narrativa.

Dito isto, não hesitaria, na situação hipotética supracitada, em contatar a outra personagem e cumprir o real propósito de minha visita às terras tibianas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Growl~
Mais de 3000?! Sem ss é fake!
Mais de 3000?! Sem ss é fake!



Ficha da Personagem
Personagem:
Vocação:

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 11:46 am

@telepatia
eu sou a favor de deixar o jogador decidir isso.
por exemplo, ele consegue duas soul orbs, da uma ao amigo, e assim eles podem trocar pensamentos.
mas mesmo assim nao to a fim de usar, fica chato.

@topico
eu ainda nao entendi a função do topico alguem me explica ae

@alguma coisa dita anteriormnte
Langobardos=chatos
(sem intenção de ofender ninguem)

@post de flood na apresentação do novato
na verdade nao quis floodar, eu fui clicar em edit no topico anterior e acidentalmente clicei em quote, ai nao consegui apagar o topico e escrevi uma coisinha pra nao deixar o post vazio.
Devia ter a opção de apagar o topico.

Edit:
@post anterior
Nossa o cara fala complicado. Na parte que eu entendi, concordo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Wilton
Pessoa Normal
Pessoa Normal
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Oliver Tristan Greenarrow
Vocação: Esquizofrênico

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 12:16 pm

Dos estilos diversos para a interpretação de papéis:

A experiência certamente autoriza-nos a estabelecer estereótipos, de modo que nos deparamos em nossas discussões, com indivíduos apontados como pgers, soft-rpers, hard-rpers e afins. Particularmente, acredito existirem rpers e não-rpers, pura e simplesmente. Se me desperta interesse interpretar minha personagem, sou um roleplayer; independente se passo meses praticando espeleologia, genocídios ou conversando amenidades com a vizinhança.

Assim sendo, faz-se necessário um referencial em termos de técnica interpretativa; afinal, preciso saber se o público do grande espetáculo da existência aprecia ou não o meu trabalho. Então estabelecemos um arquétipo ideal, o ator perfeito que guiará os nossos passos nesta carreira, a saber, o hard-rper, que de fato, é aquele que interpreta, ao menos enquanto está jogando, ou assim esperamos. É este que buscamos incorporar conforme amadurecemos nossa interpretação, mas em nenhum momento deste árduo processo, deixamos de ser nossas personagens. É para isto que existe a comunidade, afinal, para orientar e dar-nos oportunidades de exercitar nosso ofício.

Entretanto esta comunidade parece divergir no quesito bem interpretar. Aparentemente, antigos membros tendem a desprezar os métodos utilizados pelos mais modernos em relação à orientação dos simpatizantes. E não é para isto que se estabelece um referencial? Para garantir que os fins sejam atingidos, quaisquer que sejam os meios? Todavia, se os meios parecem ser o pomo de discórdia entre aqueles que sustentam a comunidade e aqueles que a movimentam, estes devem ser explicitamente determinados, ou relativizados, o que convier.

Deixar a cargo do famigerado bom senso só tem permitido atrocidades como recém-nascidos enfrentando dragões e a formação de grupos de espeleólogos full-time. A grande questão é: permitir que as atrocidades mantenham a comunidade viva, ou extinguí-la antes que este estes dias negros corrompam sua essência? Valho-me dos versos de Ultimate, do Gogol Bordello:

Citação :
There's nothing like good old days:
There are today, there are tomorrow.
It's a stupid thing we say,
cursing tomorrow with sorrow...

Congratulo tanto o esforço dos membros fundadores quanto a exacerbada iniciativa dos neófitos. Mas nada conseque aquele que não sabe o que quer. Minha prerrogativa é interpretar personagens da melhor forma possível, e se for o caso, oferecer oportunidades similares àqueles que encontrar, seja na prática cotidiana, mais simples de executar, ou através de eventos, o que requer tempo, dedicação e aceitação popular das quais não disponho.

Despeço-me, e desculpo-me pelos equívocos ou inconveniência. Sem mais,

Oliver Tristan Greenarrow.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Astinos Lamael
Esse cara deve floodar, só pode!
Esse cara deve floodar, só pode!
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Astinos Lamael
Vocação: Alcóolatra

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 12:39 pm

Olliver Greenarrow escreveu:

Deixar a cargo do famigerado bom senso só tem permitido atrocidades como recém-nascidos enfrentando dragões e a formação de grupos de espeleólogos full-time. A grande questão é: permitir que as atrocidades mantenham a comunidade viva, ou extinguí-la antes que este estes dias negros corrompam sua essência? Valho-me dos versos de Ultimate, do [b]Gogol Bordello:

Citação :
There's nothing like good old days:
There are today, there are tomorrow.
It's a stupid thing we say,
cursing tomorrow with sorrow...

Congratulo tanto o esforço dos membros fundadores quanto a exacerbada iniciativa dos neófitos. Mas nada conseque aquele que não sabe o que quer. Minha prerrogativa é interpretar personagens da melhor forma possível, e se for o caso, oferecer oportunidades similares àqueles que encontrar, seja na prática cotidiana, mais simples de executar, ou através de eventos, o que requer tempo, dedicação e aceitação popular das quais não disponho.

Despeço-me, e desculpo-me pelos equívocos ou inconveniência. Sem mais,

Oliver Tristan Greenarrow.
< lê os versos > < uma lágrima escorre > ATÉ QUE ENFIM ALGUEM QUE PENSA QUE NEM EU QUANTO AOS ANTIGOS TEMPOS =DDDDD

quanto a divisão, de fato não-rpers e rpers é o mais correto, mas acho que alguns merecem destaque por serem "linha-dura" e outros por serem mais "liberais" e outros por fingirem ser, ou simplesmente fazer rp uma hora e outra não, por isso continuo com pseudo-soft-roleplayer-hard

não acho que tenha de fato um confronto entre as idéias dos "olds" e dos novos, acredito que os novos sabem roleplayar e só precisam de uma mãozinha aqui ou ali, não que eu seja o mais indicado para isso, eu mesmo preciso de uma mãozinha aqui ou ali, mas se estamos em comunidade concordo em discutir e ensinar o que eu puder, acho que todos seguem apenas um estilo, alguns enchergam diferente as coisas, diferentes pontos de vista sobre um mesmo caminho, só isso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Irgulino
CONTRIBUINTE - Senhor das Almas
CONTRIBUINTE - Senhor das Almas
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Irgul
Vocação: Maluco Beleza

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 2:34 pm

Estou satisfeito com tudo que o Wilton disse.
Por que não existe mais membros assim nesse forum? O que aconteceu?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dimitri Drachenorden
Mais de 3000?! Sem ss é fake!
Mais de 3000?! Sem ss é fake!
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Dimitri Drachenorden
Vocação: Mago

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 4:49 pm

Ovelha Macker escreveu:
Estou satisfeito com tudo que o Wilton disse.
Por que não existe mais membros assim nesse forum? O que aconteceu?
Existem, mas a nostalgia abobalhada e idiótica de alguns não lhes permite ver isso. Afinal, o passado e o inalcançável é sempre melhor do que se passa agora e está nas nossas mãos. Aprenda isso, use no fórum e leve para vida. Odeio nostálgicos retardados. Sem ofensas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Zé dos Corvo
6000?! Esse só pode ser o Xela!
6000?! Esse só pode ser o Xela!
avatar


Ficha da Personagem
Personagem:
Vocação:

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 5:46 pm

Roleplayer ou Não-Roleplayer?

Onde termina e onde acaba o roleplay? Porque algumas pessoas chegam até a mentir para que os outros acreditem que ela é roleplayer? Quais as entranhas jamais visceradas dessa definição? O que tanto os aprendizes tentam aprender e a maioria não consegue?









@off: Davi, e qm são os nostalgicos? ... não os vejo aqui no forum =s
Voltar ao Topo Ir em baixo
Xiahou Dun
Nobre
Nobre
avatar


Ficha da Personagem
Personagem:
Vocação:

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 5:55 pm

não acho que precise de uma exposição do ideal, sendo que não importa o quanto você é roleplayer, o que realmente importa é se você é

uma coisa é, você, eu e ele, do nosso modo queremos nos divertir, todos nos temos uma definição diferente pra diversão no jogo, se os meios forem fixos, agradará a uns e incomodará outros

acho que quem quer que você seja, não tem que entrar no jogo e ficar obedecendo uma lista decorada do que fazer ou não fazer, basta utilizar a sua liberdade o suficiente pra te divertir e com cuidado pra não incomodar o outro

e mesmo que nem todos tenham o senso do coletivo, nos estamos aqui pra ensinar, é pra isso que a guilda existe, ensinar roleplay o que é diferente de impor um sistema

dar a vara e não o peixe, mais ou menos assim
Voltar ao Topo Ir em baixo
Bruno
EQUIPE - Atravessador de Velinhas
EQUIPE - Atravessador de Velinhas
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Ares Dragontooth
Vocação:

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 6:00 pm

@nostálgicos
< Ergue o braço bem alto, sorrindo, no meio da multidão >

@topic.
"Se houver interesse, haverá paciência, se houver paciência haverá aprendizado"

Essa era a frase da Langobardis no início. De duas uma: Ou falta interesse ou falta paciência.
Roleplay é algo que demora pra ser aprendido. Ou o método que usamos é ineficiente. Ou nem há mais método.

De resto, não sei o que passa na cabeça de quem 'mente'...


Canhotaço.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Koizumi
Pessoa Normal
Pessoa Normal
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Koizumi
Vocação:

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 6:10 pm

Ai, gente! Adorei tudo que eu li nesse tópico e muitas coisas são verdade, mas não posso falar muito, não estive na Langobardis nos seus primórdios.
E a cada post eu ficava com mais medo: "Será que eu sou um bom roleplayer?!"

Então, pergunto a todos vocês que já muito me ensinaram, me ajudaram, me suportaram e me conheceram: Eu sou um bom roleplayer?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dimitri Drachenorden
Mais de 3000?! Sem ss é fake!
Mais de 3000?! Sem ss é fake!
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Dimitri Drachenorden
Vocação: Mago

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 6:12 pm

Zé:

Bruno, Rafael, Ovelha e muitos outros.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Draconian
CONTRIBUINTE - Tarado da CAM
CONTRIBUINTE - Tarado da CAM
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Draco Zephayn
Vocação: O Druida Frustrado.

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 6:14 pm

@Davi

Ovelha? mas ele nem fez parte...

@Koi

Cara, eu amo o teu personagem. Para mim foi o mais criativo já visto na Langobardis e você o faz extremamente bem. Parabéns.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dimitri Drachenorden
Mais de 3000?! Sem ss é fake!
Mais de 3000?! Sem ss é fake!
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Dimitri Drachenorden
Vocação: Mago

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 6:15 pm

Draconian escreveu:
@Davi

Ovelha? mas ele nem fez parte...

@Koi

Cara, eu amo o teu personagem. Para mim foi o mais criativo já visto na Langobardis e você o faz extremamente bem. Parabéns.
Pois é, isso que eu acho mais engraçado, Rafael.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Zé dos Corvo
6000?! Esse só pode ser o Xela!
6000?! Esse só pode ser o Xela!
avatar


Ficha da Personagem
Personagem:
Vocação:

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 6:42 pm

huuun, achei q eu ja estivesse tachado ai no meio... menos mal ^^ qr dizer q vc entende.

@koi, vc é um bom roleplayer, teu personagem como dizem é singular, porém, me responda vc, qual a serventia dele para o rpg?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Koizumi
Pessoa Normal
Pessoa Normal
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Koizumi
Vocação:

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 7:07 pm

@Zé dos Corvo
Ok... "qual a serventia do Koi para o RPG?"
Pensando claramente: "Qual a serventia do Koi para um jogo de interpretação de papéis?"
Em OFF a serventia dele pra mim é me divertir! Todo jogo pra mim tem essa importância: diversão. Ok, alguns jogos são tão bem feitos que acabam me ensinando lições de vida e me emocionando.
Em In acho que... quem pode pode responder isso, são os outros!
Pra falar a verdade, eu não sei a serventia dele, não tenho como dizer isso! Acho que os outros devem saber e acho que alguma serventia ele deve ter... é quase a mesma coisa que perguntar "qual a sua serventia nesse mundo?" é difícil responder...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Thomaz Wolfhund
Pessoa Normal
Pessoa Normal
avatar


Ficha da Personagem
Personagem: Tobi Wolfhund
Vocação: Bardo

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Seg Maio 10, 2010 9:33 pm

Oi galeres, dando uma passadinha casual... =B
Epa epa epa, que discussão boa!

Eu apoio a telepatia. Apoio que haja encontros combinados em off e "coincidências" em in. Porque? Para interpretar e se divertir, ora bolas. Amo elaborar pequenas quests, e histórias para elas, escondendo em lugares. Até mesmo elaborar histórias para quests já existentes (vide a quest "MISTÉRIOS DE ROOKGAARD", algo assim). Isso não atrapalha ninguém, pelo contrário, acho que diverte mais as personagens. Mas, para armar a quest, foi necessário que um char meu entrasse na caverna e depositasse quase 5k em gold pieces no chão da quest. "Oh meu deus, você foi um pseudo-roleplayer de merda!". Posso até ter sido, mas queria ser um dos dois desbravadores que, atravessando o fogo, com os "bolos mágicos" do velho Ralf Greenwood na mochila e um pergaminho perdido roubado da biblioteca, se depararam com o dinheiro, e caixas cheias de moedas, além de cooper shields e legions helmets em caixas também. =)

Demorou um mês para juntar os itens e o dinheiro, mas eu fiquei muito feliz, porque mais de 10 pessoas participaram da quest, sendo que somente 3 que viraram/eram roleplayers. Isso para mim é ser roleplayer.



@Koy: você tem um personagem maravilhosamente bizarro. E interpreta ele muito bem. Predan não gosta dele, você deve ter percebido, mas não ache que desgosto de ti. Te acho um bom roleplayer. QUem sabe com outro personagem mais legal, não sei, você possa fazer mais amigos =B
Voltar ao Topo Ir em baixo
Leonardo
Nobre
Nobre



Ficha da Personagem
Personagem: charlie
Vocação:

MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   Ter Maio 11, 2010 10:43 am

Por um lado, Estomazil, fazer amigo necessariamente pode nao estar na psicologia do seu personagem.
Ter amigos in-game é só uma característica que o meu personagem pode apresentar, ou simplesmente deixar de mostrar isso. Um bom exemplo é Marcus, que não sente prazer em ter vários amigos, e por outro lado, não acho que isso possa ser classificado como bom, ou mal.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Um canto para observações. (By Zé)   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Um canto para observações. (By Zé)
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 10Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10  Seguinte
 Tópicos similares
-
» melhor canario para tirar pintagol de tarim
» Sites de produtos para cabelo em Geral
» Escova Denman e similares para definir cachos
» ESTILIZAÇÃO E PRODUTOS PARA CACHOS 3A,B, C
» CANTINHO DO DESABAFO (cantinho para falarmos de tudo e mais um pouco!)

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: OFF-TOPIC :: Off-topic-
Ir para: